notícias

Autor Homenageado

Homenagem na Flip inspira lançamentos sobre Lima Barreto

A homenagem da Flip é sempre oportunidade para conhecer a vida e a obra dos grandes nomes da literatura brasileira. Na Flip 2017, que acontece de 26 a 30 de julho, em Paraty, será a vez de reencontrar Lima Barreto (1881-1922). Desde editoras de grande porte quanto outras, de caráter independente, estão preparando uma série de lançamentos e novas edições do autor e de especialistas em sua obra.


A Companhia das Letras lança em junho a aguardada biografia do autor escrita por Lilia Schwarcz - Lima Barreto, Triste Visionário - e uma nova edição de Cemitério dos Vivos e Diário do Hospício, tendo a organização de Augusto Massi, com notas da edição original e outras preparadas para a nova versão. Está prevista também uma nova edição do romance Numa e Ninfa (1915), que se passa no tumultuado ano eleitoral de 1910 e narra a história de Numa Pompílio de Castro, ambicioso bacharel de Direito que se agarra ao seu título de doutor para ascender socialmente e alcançar prestígio social.


A Autentica publica, em julho, uma nova edição da celebrada biografia A Vida de Lima Barreto, de Francisco Assis Barbosa. Publicada originalmente em 1952 – trinta anos depois da morte do autor –,  foi considerada por muitos como uma das melhores obras do gênero no Brasil e está fora das livrarias há mais de uma década.


A e-galaxia traz Lima Barreto e a literatura, antologia de crônicas do autor organizada por Felipe Correa Botelho, e uma coletânea de ensaios a cargo de Beatriz Resende, os dois também importantes especialistas no autor.


A Verso Brasil lança, entre junho e julho, uma edição revista de uma das obras fundamentais do autor: A Correspondência entre Monteiro Lobato e Lima Barreto, de Edgar Cavalheiro, que reúne as cartas trocadas pelos autores entre 1918 e 1922. A edição revista da obra publicada nos anos 1950 contará com notas, originais do autor (manuscritos e datilografados) e um caderno de imagens.

share
Logo da Casa Azul